Pular para o conteúdo principal

A História da História (a História de Clio)

Texto publicado em 30/05/2005
Por:
Marília Daros
No Site gramadosite.com

“O tempo devora seus próprios filhos”.!
Você já ouviu esta frase?

Muitas foram as vezes em que parei para pensar nisto, pois me preocupou sempre o descuido que a maior parte das pessoas têm, com relação ao passado.
O tempo se encarrega de apagar as marcas dos desenraizados.
Daqueles que não procuram preservar os vestígios dos antepassados. Que não respeitam as trilhas do cotidiano ocorrido na sua comunidade, nas suas áreas de convívio. O tempo faz esquecer! Com o tempo a gente esquece!
Até que ponto é válida esta afirmação?
É um estímulo um agouro?
Mas a resposta não está em mim, nem em você! Está no próprio tempo!
Nada que um pouco de leitura não explique, claramente, sem rodeios, na trajetória dos povos. Viaje comigo para dentro de um livro: “Pequena Mitologia”, de Mario Guedes Nylor, editado em 1933.

Mitologia é o uso da imaginação poética, para povoar a natureza física, o mundo espiritual, intelectual e moral dos seres humanos. Dentro deste simples conceito, aparece a Mitologia Grega, repleta de deuses e heróis lendários, cada um com seu significado distinto.

Assim aparece o CAOS, o espaço sem limites e EROS, o princípio da força atrativa.
Do CAOS surgiram URANO, o céu; GAIA, a terra; PONTO, o mar; EREBO, o inferno; NYX, a noite.

De URANO e GAIA, nasceram vários filhos, os TITÃS, entre eles CRONOS, que simboliza o tempo.

URANO é morto e CRONOS, seu filho, torna-se chefe, senhor dos deuses e se une a RÉA.
CRONOS é o tempo que na sua marcha incessante destrói todas as coisas por ele produzidas. Mas CRONOS, com medo de perder o poder, devora um a um seus filhos: é o tempo devorando seus próprios filhos!
Um destes filhos é ZEUS que é salvo pela mãe, RÉA, e levado para a ilha de Creta. Adulto, ZEUS destronou seu pai.
A vitória de ZEUS sobre CRONOS representa a imortalidade. ZEUS é a inteligência. ZEUS é o pai, entre tantos deuses, das MUSAS, deusas das artes.
ZEUS se une então a MNEMOSINE, deusa da memória.

Dentre as MUSAS, aparece CLIO, a musa que representa a história.

CLIO (a história) é filha de ZEUS (a inteligência) com MNEMOSINE (a memória) e é neta do CRONOS (o tempo).

Isto nos leva a analisar que não existe história sem memória e tempo. Que a história faz parte do tempo e que a memória organiza e encaminha a história, como uma mãe, ao filho.

A história não é, pois, um discurso apenas. Todos os “saberes” que envolvem o crescimento intelectual e físico do ser humano estão ligados ao tempo que conduz à história.

A inteligência divina, atribuída na mitologia a ZEUS, representa o dom divino que recebemos para fazer com que o tempo não nos devore, ou seja, que não devore a nossa própria história..

Hoje, durmo mais tranqüila.

Sempre acreditei que CLIO (a história) era a mãe do tempo.

Estava errada!
Ela é a neta !
CRONOS (o tempo) é que é o início desta meada e CLIO é a neta, é o futuro, que conta a história do tempo.

A geração futura que precisa lembrar do tempo, fazendo uso da memória, que é a mãe da história.

... E quem quiser que conte outra ...

Comentários

Top 5 da Semana

Exercícios de História Antiga: Roma (Ensino Médio)

Sabendo que grande parte dos professores e estudantes buscam pelas soluções dos seus problemas na Internet, resolvi postar neste espaço alguns exercícios retirados de provas de vestibulares. Vale ressaltar que será muito mais importante, o professor modificar os exercícios de acordo com o que foi ensinado na sala de aula. Afinal de contas, cabe ao professor ter o conhecimento da realidade da turma que leciona.
Veja também:
Exercícios de História Antiga: Grécia (Ensino Médio)Exercícios de História Moderna: Grandes Navegações (Ensino Médio)Exercícios de História da América Portuguesa e Espanhola (Ensino Médio)Questões DE ENEM e Vestibular 01. (UFAM – 2009) Tal como a história dos gregos, também a dos romanos começou pelo desenvolvimento de instituições políticas assentadas na cidade e elaboradas em benefício de uma comunidade de homens livres – os cidadãos – proprietários de terras e que reivindicavam a descendência direta dos fundadores de sua pátria. Em ambos os casos, estes cidadãos …

Exercícios de História Antiga - Grécia Clássica (Ensino Médio)

“Respeitemos mesmo as leis injustas para que os maus, tomando isso como exemplo, respeitem no futuro as leis justas, sem pretexto para desobedecê-las”. Sócrates
Sabendo que grande parte dos professores buscam pelas soluções dos seus problemas na Internet, resolvi colocar alguns exercícios neste Blog. Vale ressaltar que será muito mais importante, o professor modificar os exercícios de acordo com o que foi ensinado na sala de aula. Afinal de contas, cada um sabe qual é sua realidade.

Veja também:
Exercícios de História Antiga: Roma (Ensino Médio)Exercícios de História Moderna: Grandes Navegações (Ensino Médio)Exercícios de História da América Portuguesa e Espanhola (Ensino Médio)Questões DE ENEM e Vestibular 1. (FUVEST-SP) “Usamos a riqueza mais como uma oportunidade para agir que como um motivo de vanglória; entre nós não há vergonha na pobreza, mas a maior vergonha é não fazer o possível para evitá-la... olhamos o homem alheio às atividades públicas não como alguém que cuida apenas de seu…

Exercícios de História Medieval: Do Feudalismo à Crise do Século XIV (Ensino Médio)

Sabendo que grande parte dos professores e estudantes buscam pelas soluções dos seus problemas na Internet, resolvi postar neste espaço alguns exercícios retirados de provas de vestibulares. Vale ressaltar que será muito mais importante, o professor modificar os exercícios de acordo com o que foi ensinado na sala de aula. Afinal de contas, cabe ao professor ter o conhecimento da realidade da turma que leciona.
Veja também: Exercícios de História Antiga: Grécia (Ensino Médio)Exercícios de História Antiga: Roma (Ensino Médio)Exercícios de História Moderna: Grandes Navegações (Ensino Médio)
Questões de ENEM e Vestibular
Questão 01. (Fatec-SP) Uma das características a ser reconhecida no feudalismo europeu é:
a) A economia do feudo era dinâmica, estando voltada para o comércio dos feudos vizinhos. b) A sociedade feudal era semelhante ao sistema de castas. c) As relações de produção eram escravocratas. d) Os ideais de honra e fidelidade vieram das instituições dos hunos. e) Os servos estavam preso…

Exercícios de História Moderna - Grandes Navegações (Ensino Médio)

Sabendo que grande parte dos professores buscam pelas soluções dos seus problemas na Internet, resolvi colocar alguns exercícios neste Blog. Vale ressaltar que será muito mais importante, o professor modificar os exercícios de acordo com o que foi ensinado na sala de aula. Afinal de contas, cada um sabe qual é sua realidade.
Veja também:
Exercícios de História Antiga: Roma (Ensino Médio)Exercícios de História Antiga: Grécia (Ensino Médio)Exercícios de História da América Portuguesa e Espanhola (Ensino Médio)Questões DE ENEM e Vestibular 01. (UFAL) Ao contrário dos portugueses, que buscavam atingir as Índias contornando a costa africana, Colombo:
a) concentrou suas navegações na parte Leste, em busca de uma passagem Noroeste para as Índias. b) concentrou suas navegações na parte Norte da América, em busca de uma passagem ao Noroeste para o continente asiático; c) dirigiu-se para o Oeste em busca da passagem Sudeste para o continente asiático; d) Navegou pelo Oceano Atlântico em direção ao Can…

Exercícios de História da América Portuguesa e Espanhola (Ensino Médio)

Sabendo que grande parte dos professores e estudantes buscam pelas soluções dos seus problemas na Internet, resolvi postar neste espaço alguns exercícios retirados de provas de vestibulares. Vale ressaltar que será muito mais importante, o professor modificar os exercícios de acordo com o que foi ensinado na sala de aula. Afinal de contas, cabe ao professor ter o conhecimento da realidade da turma que leciona.

Veja também: Exercícios de História Antiga: Grécia (Ensino Médio)Exercícios de História Antiga: Roma (Ensino Médio)Exercícios de História Moderna: Grandes Navegações (Ensino Médio)Questões DE ENEM e Vestibular
Questão 01 (ENEM 2006) Segundo a explicação mais difundida sobre o povoamento da América, grupos asiáticos teriam chegado a esse continente pelo Estreito de Bering, há 18 mil anos. A partir dessa região, localizada no extremo noroeste do continente americano, esses grupos e seus descendentes teriam migrado, pouco a pouco, para outras áreas, chegando até a porção sul do…